AOS DIAS DE 2017…

Eu desejo que o ano de 2017 traga após o réveillon… MORTE, PESTE e GUERRA.  => MORTE à ausência cultural… => PESTE à corrupção política, A mídia divulga, Mas nada é realmente feito, 94% dos corruptos estarão em suas casas festejando;  => GUERRA às doenças Que destroem nosso povo, Povo em crise econômica E sem Leia mais… »

ÀS SANTAS, QUE SE PREOCUPAM COM A MORALISADE SEXUAL…

Embora seja exaustivamente discutida, a sexualidade humana continua sendo um tabu, vivemos em um mundo onde a liberdade sexual ganhou espaço enquanto no sentido oposto vemos uma onda crescente de proselitismo e conservadorismo. Mas, de onde vem essa preocupação exagerada com a conduta sexual? Para entender melhor o assunto, já escrevi alguns Textos sobre Sexualidade Leia mais… »

MORAL, SEXO E DESEJOS…

O conceito sobre a regulamentação do sexo sempre foi um assunto do Estado, das elites dominantes e da religião . Embora permitida, a atividade sexual, extremamente variável em sua forma, sempre esteve atrelada a regras que variam segundo as sociedades. A moral sexual é um fato da cultura. Não existe sociedade que não tenha regras Leia mais… »

SANTAS E FILHOS…

Hein?!? Difícil dizer em que momento ficou estabelecido o padrão de que mulher só é completa se gerar um filho. Mesmo assim, muitas mulheres perdem noites e noites de sono pensando nisso – quiçá mais do que as necessárias para cuidar de um bebê. As dúvidas que surgem com o sentimento de obrigação de ser Leia mais… »

Hoje, nunca mais… SANTA 9057, 40 anos, sempre quis ter uma família e, por consequência, ser mãe. “Adoraria ver a minha projeção andando por aí, porque filho é uma projeção, né?”, diz. “Careta” assumida, ela explica que sempre atrelou a ideia de filho a uma família completa. “Não tenho nada contra quem faz produção independente, Leia mais… »

O mundo não acabou “Se tiver um filho não posso mais morrer!”, pensava a SANTA 5692, 31 anos, quando engravidou de Alice. A ideia de ser mãe representava para ela o máximo da perda de liberdade. Por isso, não ter filhos era uma decisão pensada com o marido, um fotógrafo com quem está desde 2001. Leia mais… »

Mãe, eu? Aos 22 anos, SANTA 33241, uma menina do interior de Minas Gerais, decidiu ganhar “a cidade grande”. Partiu para São Paulo e, enquanto aprendia o ofício de manicure, se descobriu grávida do namorado. “Ele era uma pessoa difícil, aparecia quando queria e eu aceitava”, admite. E não sentiu a alegria que costuma ser Leia mais… »

Três de uma vez… A SANTA 5623, 40 anos, estava casada há cinco quando o filho da mesma idade pediu um irmãozinho. “Um estava bom, mas topei engravidar de novo.” No primeiro ultrassom, surpresa: três corações pulsavam em seu ventre. “Achei que fosse piada.” Saindo do consultório, ela e o marido sentaram na calçada e se Leia mais… »

Família margarina? Casar e ter filhos era o sonho da SANTA 6574, 29 anos. Aos 21, ela realizou a primeira parte: casou-se, com um publicitário, e quis engravidar três anos depois. “Todo mês comprava teste de farmácia antes de a menstruação atrasar. Uma piração”, lembra. A fase durou um ano. Até que resolveram ir ao médico. Leia mais… »

PROSTITUIÇÃO…

– Fatores econômicos Falta de emprego; migração para os grandes centros urbanos; jovens do campo, passando a viver na cidade; mães solteiras com dificuldade na manutenção do filho. Moradias em condições sub-humanas: barracos, cortiços, porões, muitas vezes abrigam a promiscuidade, que é um caminho aberto para a prostituição. – Fatores psicológicos Carências afetivas e traumas que Leia mais… »

Vale a pena assumir uma “PUTA”?

Será em dinheiro, cheque ou cartão? Olá, tenho 22 anos, moro em São Gonçalo, Rio de Janeiro, há dois anos. É meio difícil namorar porque no meu bairro as meninas são evangélicas, e tem essas regras de casar primeiro, então minha saída e frequentar, uma vez por mês, boates de garotas de programa… Até que Leia mais… »

Conheça as histórias de cinco pacientes que escolheram a prostituição como profissão…

Paciente 9759, 20 anos, prostituta há seis meses no Rio de Janeiro, cobra R$ 400 e faz cerca de quatro programas por dia, de uma hora cada. Comecei a fazer programa há seis meses. Antes, eu trabalhava como babá e no meu último emprego ganhava R$ 400 por mês. Hoje, ganho R$ 1.600 por dia. Estava Leia mais… »

Uma pessoa escolhe se prostituir? A prostituição é uma opção livre? A resposta a esta pergunta é passível de opiniões diversas e até mesmo condenações podem nascer a partir dela. A prostituição atravessa a história sendo uma realidade controversa em todos os campos. Em tempos de Copa de Mundo e com os olhos abertos para Leia mais… »

Vítima do tráfico de mulheres busca ‘vida fácil’ ??? Elas nutrem a esperança de sair do lugar pobre ou miserável em que vive e ir para um local melhor, onde seus sonhos serão realizados. Embarca, por isso, numa promessa, mas descobre ter sido enganada. É trancafiada e explorada. Essa mulher, vítima do tráfico de pessoas, Leia mais… »

SANTAS E SUAS DUPLA PERSONALIDADE… (Pacientes 85746; 73839; 2563)

A vida dupla das garotas de programa de luxo A minissérie “Felizes para Sempre?” despertou a curiosidade sobre o universo das prostitutas de luxo. A seguir, três mulheres que circulam pelo ambiente universitário revelam o que as levou a largar empregos socialmente aceitos para fazer do sexo a sua profissão, como lidam com as consequências Leia mais… »

Espiritualidade e sensualidade, juntas, podem intensificar o contato amoroso.  Nos rituais tântricos, a decoração e a ambientação sempre são feitas visando um maior contato com a espiritualidade ou a união entre os parceiros. As cores, os odores, os tecidos, a luz das velas, tudo é preparado para combinar o sensual com o espiritual. Essa combinação Leia mais… »

A SANTA E SEU “BRUTA MONTES”…(Paciente 21254)

Eu confesso que sou casada e conheci um homem casado faz uma 3 meses. Esta rolando um clima ja um tempo, mas nenhum de nós  dois “chega junto”. Olhares, risinhos… Ontem de tarde, eu liguei para o trabalho dele e falei que estou afim dele, que tenho pensado nele, sentido a falta de ve-lo e conversar com ele. Ele deu Leia mais… »