Sou uma mulher de 56 anos, moro em São Paulo e, como toda mulher da minha idade, tenho meus desejos reprimidos.

PACIENTE 25520.4 Sou divorciada e a história que vou contar no início me envergonhava muito, mas senti que seria necessário escrever para que eu pudesse encarar melhor minha realidade. Meu filho tem 30 anos e mora com a mulher dele a 10 anos, bem longe de mim. Ele sempre vem na minha casa para rever Leia mais… »

Depois de uma semana atribulada, já era tarde de sexta-feira e contava as horas para o dia terminar.

PACIENTE 25520.3 Pretendia guardar o final de semana só para mim. No sábado pela manhã, programei ir ao salão fazer as unhas, cabelos, hidratação, massagem e tudo mais a que tinha direito. Como meu marido iria ficar na capital, teria a casa e o tempo só para mim e estava completamente sossegada. Sábado pela manhã, Leia mais… »

Como gostamos de passear bastante meu marido e eu resolvemos fazer uma viagem curta até uma cidade do interior.

PACIENTE 25520.2 Como havíamos pegado uma folga em nossos trabalhos, iríamos na sexta e voltaríamos no domingo à noite. Fazia muito calor no dia em que saímos, então coloquei um shortinho branco bem curto, calcinha fio, rosinha, blusinha decotada preta e fui bem vadia dentro do carro, às vezes algum caminhão passava ao lado e Leia mais… »

Só depois de um tempo é que entendi que para desejar uma mulher, não precisa ser exatamente lésbica. Basta ser gente.

PACIENTE 25520.1 Eu e Aline nunca fomos boas amigas. Apesar de termos nascido no mesmo dia, sermos primas, termos a mesma idade e estudarmos na mesma sala, nunca nos batemos. Até nossos aniversários eram juntos. Pois bem, crescemos, Aline cada dia mais chata e metida. Saíamos juntas raras vezes. Depois que nos formamos, as coisas Leia mais… »

Nunca na história da humanidade houve “SANTAS” com tantos potencias para transformar a nossa realidade.

Seus poderes são tão grandes que realmente custa tomar plena consciência dele. Para começar, as SANTAS representam maior e mais longo coletivo oprimido de todo o grupo da história humana. Neste não era apenas a subjugação social, econômico e político, mas também mental, sexual e moral, negando o desenvolvimento integral e gratuito a limites inconcebíveis. Leia mais… »

Ele pegou minha cabeça e forçou minha boca a se abrir e foi colocando aquele tronco na minha boca!

PACIENTE 18520.3 Na época eu tinha 17 anos e sempre fui bem assanhada, Tenho 1, 68 peitos grandes bunda grande que chama muita atenção cabelos iluminados até o umbigo, sempre chamei atenção pelo meu belo corpo sorriso e simpatia. Quando eu tinha 17 anos costuma ir na casa da minha melhor amiga de infância a Leia mais… »

Bom… foi uma transa que aconteceu há alguns anos atras com Meu namorado, mas que é lembrada até hoje.

PACIENTE 18520.1 Sou elogiada por ter a cintura fina, seios fartos e pernonas definidas (amo jogar bola e malhar, desde o colegial) e a historia se inicia após a minha festa de formatura do ensino médio. O evento acabou, meus familiares foram embora, fiquei com meu namorado na festa. Mas o tesão neste dia tava Leia mais… »

Gostaria de viver em uma época onde mulheres não se submeteriam a relacionamentos onde são humilhadas e tratadas como lixo, mas como sei que isso ainda existe (e muito) resolvi fazer um simples texto expressando como homem toda minha indignação.

Por que as pessoas morrem de medo de ficar sozinhas? Insistem em relacionamentos que não dão mais certo por simples comodismo? Essas são questões interessantes e que sempre me pergunto. Por que alguém se submeteria a algo do tipo? Bem, existem vários motivos. Muitos casais que namoram há anos (ou não, mas que já estão Leia mais… »

No dia do casamento minha mãe apenas me falou…

PACIENTE 13520.2 Garota de família religiosa, poucos amigos, obediente, me casei totalmente virgem e inexperiente aos 17 anos com um noivo arranjado pela minha mãe. Há 40 anos atrás as mães pouco ou quase nada conversavam com suas filhas sobre sexo ou outros assuntos íntimos.Quando menstruei pela primeira vez minha mãe apenas me falou que Leia mais… »