me perdoem os ultrarromânticos…

Imagem relacionada

Eu quero te foder. Essa é a melhor declaração de amor que eu posso te oferecer, porque não há nada mais amoroso que dizer a quem se ama: eu quero te foder. Dane-se o moralismo, o romantismo, o clichê, o ético, o convencional… me perdoem os ultrarromânticos… amor pra mim é essa vontade que eu tenho de te jogar pela casa inteira e em outros tantos lugares que esse mundo vasto pode oferecer a dois amantes. Eu sei, eu poderia dizer que te amo, mas se eu dissesse apenas isso, você não saberia o quanto eu realmente desejo você. Eu tô dizendo que te amo quando digo que te desejo com tudo que há dentro de mim. Eu quero entrar fundo no teu corpo, porque além de ser a forma mais sincera que eu encontrei de demonstrar meu amor, essa também é a maneira mais profunda de encostar minha alma na tua.

4 Replies to “me perdoem os ultrarromânticos…”

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *