O meu namorado trabalha muito então eu que tive que ficar a maior parte do tempo com o velho…

PACIENTE 280818-92

Oi me chamo Ana Flávia, tenho 26 anos e namoro a 3 anos o João, um cara muito bacana, lindo, pauzudo e a gente se dá muito bem na cama, nunca tive nada pra reclamar.

Eu sou uma loira bem gata, sou magrinha, nada exagerado, não curto muito academia, minha genética é que foi boa comigo então sempre tive a bunda e os peitinhos bem durinhos.

Um dia o João avisou que o seu pai tava bem triste por estar sozinho desde que sua mãe morreu e ele ficaria uns tempos com a gente no ap em que moramos juntos, eu não gostei muito da ideia, mas como é pai do meu homem, resolvi ceder e aceitar numa boa.

Desde que comecei a namorar nunca tinha conhecido meu sogro, sabia que ele tinha fama de pegador quando era jovem e aquietou quando casou com a mãe do João, o nome dele é Sílvio e tava tudo pronto pra ele chegar aqui.

O meu namorado trabalha muito então eu que tive que ficar a maior parte do tempo com o velho e desde o dia que ele chegou notei um comportamento estranho, ele me olhava de uma forma que parecia me comer com os olhos, uma cara de safado e eu achava nojento e engraçado porque a pica daquele velho nem deveria subir mais.

Um dia quando o João tava fora, o seu Sílvio veio por trás de mim e me deu um beijo no rosto, mas pude sentir que seu pau tava duro esfregando na minha bunda e aquilo me deixou bem sem graça mas ao mesmo tempo molhada, e nem entendi o motivo, já que eu sempre tive nojinho de homens mais velhos, mas desde esse dia, o coroa parece que fazia de tudo pra mostrar que o pau dele subia e que ele queria me comer.

Um dia eu tava tomando banho e ele tava no quarto, o banheiro daqui não tem chave mas como ninguém entrava eu fiquei tranquila, mas aquele velho logo apareceu e soltou um comentário que me deixou vermelha.

Ele disse que o filho dele tava comendo bem e que era muito sortudo em ter tanta carne pra aproveitar, e eu achei esse comentário nojento mas minha boceta mesmo assim deu sinal de vida, então ele veio chegando, tocando nos meus peitos e chupando gostoso, eu fiquei sem reação e ele continuou ali, brincando, mordendo, mamando, e o pau desse velho era enorme, bem maior que o do João.

Ele então me tirou do chuveiro, praticamente me arrastando porque eu relutei muito, mas acabei indo, ele me jogou ali toda molhada de água do banho na cama e subiu em cima de mim apertando meus peitos.

O negócio desse velho era peito e ele chupava forte e bem gostoso, tive até que dar uma bronca pra ele não deixar marcas e o filho dele perceber.

Ele enfiou aquela rolona grande e gostosa na minha boceta e eu dei um grito porque era muito grossa a pica desse safado, mas ele adorava meter e ficar perguntando se ele era melhor que o filho dele e eu como boa puta que sou respondia que sim.

A gente passou horas fodendo e até meu cuzinho aquele velho quis, eu dei e ele meteu bem gostoso, doeu pra caralho mas eu adorei aquela situação de perigo.

Ele tirou a pica do meu cu, tirou a camisinha e enfiou aquela picona na minha boca e me fez chupar aquele pau de pentelhos grisalhos e ainda brincar e lamber seu saco enorme, que batia no meu queixo toda vez que eu chupava aquele pau.

Parecia que eu tava levando um nocaute, mas tava uma delícia, ele me deixou bem molhada e arrombada, fiquei toda assada e até pra tomar banho incomodou, mas eu gozei tão gostoso com esse velho, gozei 3 vezes e se eu deixasse ele me faria gozar mais.

A gente acabou de foder, levei uma leitada gostosa bem na cara e ainda me chamou de putinha dizendo que eu queria dar pra o pai e pra o filho, e fomos tomar banho juntos e recebi um delicioso oral desse coroa, gozei de novo e fomos nos preparar para o jantar porque o meu marido corno chegaria a qualquer momento.

Bom, depois disso meu sogro passou a morar de vez com a gente a pedido meu e toda vez que o meu maridinho sai pra trabalhar a gente aproveita e a noite quando ele chega ainda trepo com ele.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *