AS "SANTAS"

São mulheres vivendo os seus sonhos. Muitas acreditam em fadas, gnomos, príncipes, princesas e amores de outro mundo. Não. Elas não são loucas, nem doidas e nem pirada. Elas simplesmente desejam viver com prazer.

Arquivar 26 de outubro de 2020

PACIENTE 261020.2

Fomos eu e meu corninho para uma festa num clube em um sábado a noite, dessas festas onde se cobra um valor e a bebida e comida são liberados. Me arrumei toda, vestido justo no corpo até a altura dos joelhos, com um decote em V que destacavam bem o volume dos meus seios na frente e as costas nua até a altura da cintura, coloquei uma calcinha bem pequena, salto alto e perfumada fiquei pronta. O corninho incentivador me olhou e disse " vestida para matar " e fomos embora. Chegamos ao clube, a festa era num salão, e…

Ler mais

PACIENTE 261020.1

Tenho um casamento legal, sempre fui safada, sacana, devassa e meu marido sempre soube, adora incentiva e as vezes participa das safadezas que sempre fiz com ou sem ele. Gosto de me exibir , dançar , beber, usar roupas provocantes , escutar cantadas , provocar e de picas, amo, não dei sorte no casamento pelo tamanho do piruzinho do marido de 15 cm , sempre me satisfez desde do namoro mais não me sacia . Gosto de pirocas de 21 , 22 , 23 , 24 até 25 cm, essas merecem tratamento especial, mais não desprezo as outras . Um…

Ler mais

Gozar no caminho para o Nirvana…

Esta poderia ser a descrição mais direta e inteligível do que é a meditação orgásmica, uma corrente que, contrariamente ao que a experiência sugere ao comum dos mortais, propõe que as cotas mais altas do prazer sexual se encontram antes de atingir o orgasmo. Nicole Prause, neurocientista norte-americana e fundadora do Liberos, um laboratório que tenta medir o orgasmo, admite que a primeira vez que ouviu falar disso pensou que era uma bobagem. Por que chamar de meditação uma prática que poderia ser definida como uma masturbação centrada na respiração? Enganou-se, diz, quando pensou que nada mais poderia lhe surpreender…

Ler mais

PACIENTE 211020.3

Sou casada à cinco anos e meu marido é muito bom pra mim, homem zeloso, bom amante, estabilizado financeiramente e tem 11 anos a mais do que eu. Tenho 30 anos, loura, 1,60 de altura, pernas grossas, cintura fina, e um bumbum de 104cm. Meu corpo é realmente bonito e nunca tive filhos. Comecei um trabalho novo num escritório de representações onde tinha eu e mais uma menina como assistente de Marcelo. Marcelo era um representante muito bem sucedido e atendia 4 estados brasileiros e eu e a outra funcionaria que tomávamos conta do escritório que também serve de showroom…

Ler mais

PACIENTE 211020.2

De uns anos pra cá Meu marido insistia sempre que íamos fazer amor de eu dar pra outro ficava todo excitado falando que eu era muito gostosa e que deveria experimentar um outro pau eu sempre disse a ele para parar com aquilo pois eu era uma mulher seria e não teria coragem de fazer isso mais mesmo assim ele insistia em ficar falando com o passar do tempo a rotina entre nos foi aumentando e sexo cada dia mais escasso. João já não me procurava mais não fala mais putaria e isso acendeu em mim a vontade de realizar a…

Ler mais

PACIENTE 211020.1

Era véspera de pascoa... Meu namorado estava em outra cidade trabalhando e fazia dias que não transava com ele, na verdade estava na secura bem tarada. Passei na frente de uma loja e vi um chocolate delicioso e resolvi fazer uma surpresa para ele assim que chegasse de viagem. Aproveitei e passei num sex shop e comprei uma fantasia de coelhinha para ficar mais cliente. Estava ansiosa aguardando aquele momento como nunca e chegava a ficar molhada de tesão só de pensar no que faria com ele. Assim no dia seguinte eu me vesti com aquela roupinha bem sexy com…

Ler mais

PACIENTE 191020.3

Era o último dia de carnaval estava no clube quando vi um rapaz muito bonito e comecei a fixar o olhar nele era malhado e tinha um tórax maravilhoso. Neste dia estava com uma minissaia curtinha marcando bem minha bunda e com um top com os seios bem aparentes e dançava muito pra chamar atenção dele até que no final da noite ele me chamou para ir até a casa dele tomar um banho de piscina já que o calor era insuportável. No caminho ele começou a me beijar e passar as mãos entre minhas coxas quando viu que eu…

Ler mais

PACIENTE 191020.2

Meu relacionamento com meu marido, após alguns anos de casada, estava indo de mal a pior. Ele, sempre atolado de trabalho, quase não tinha tempo para mim, sempre em viagens de negócios, reuniões...Eu tinha parado de trai-lo pois eu estava perdendo o controle e ele ja estava desconfiando que a sua inocente esposinha já não era assim tão inocente. Isso era motivo para muitas brigas, pois eu negava a toda e qualquer acusação, mesmo isso sendo a mais absoluta mentira. Passei a me sentir culpada e resolvi dar um tempo para as minhas aventuras extra-conjugais. Já fazia 4 meses que…

Ler mais

PACIENTE 191020.1

Após semanas sucessivas de trabalho, eu e meu marido decidimos sair da rotina para relaxar. Combinamos de deixar as crianças com os avós para aproveitar um final de semana na praia. Nosso objetivo era descansar e namorar, algo que acaba ficando um pouco de lado quando se tem filhos, trabalho… Após deixar as crianças com a avó na sexta a noite, voltamos para casa, deixando para viajar na manhã de sábado. Chegando em casa logo fomos para a cama, meu marido me abraçou dizendo que seria muito bom um final de semana a dois depois de tanto tempo. Me fez…

Ler mais

PACIENTE 141020.1

Bom dia, ele disse no meu ouvido, acariciando minha barriga, e fazendo com que meu corpo se arrepiasse por inteiro. Pedro foi meu caso mais recente, e um dos mais especiais também. Ele ficou ali me acariciando, beijando meu pescoço, meus seios, e por fim, minha bucetinha, lisinha. Eu havia acabado de acordar, estava com sono ainda, mas cheia de tesão, misturado com aquela molezinha da manhã de sábado. Ele ficou ali do meu lado, me tocando, sussurrando no meu ouvido. Tocava meu clitóris devagar, depois parava e chupava o bico  dos meus seios, mordiscando, degustando. Eu não sabia exatamente…

Ler mais

PAREM PARA PENSAR…

Já passou da hora de reconhecer que o machismo existe — e está mais perto e forte do que gostaríamos. A interiorização das garotas é favorecida pelo “gostosa é um elogio”, “mas ela estava bêbada”, “tinha que ser mulher” e “estava pedindo para ser estuprada com essa roupa”. Quem nunca assistiu a um filme em que a mulher é retratada de forma submissa, a um comercial que exibe a mulher como objeto e a um seriado que diminui a posição feminina na sociedade? Eu já. E muitos.

Ler mais

ASSÉDIO EXISTE MESMO.

São três garotas com histórias diferentes, vivências diferentes, mas em situações tão comuns. Eu não sei o nome de nenhuma delas, não sei quem são, quais suas memórias e seus traumas. Poderia ter sido uma namorada, poderia ter sido a minha melhor amiga ou até mesmo você que esta lendo este texto. Poderia ser qualquer uma de nós que enfrenta, diariamente, pequenas violências que destroem nossa segurança e causam danos irreparáveis. Ainda não sei o que aconteceu com essas meninas, mas alguma coisa nelas deve ter mudado. Ela era loira, tinha cabelos lisos e usava óculos de grau. Uma das…

Ler mais

Estamos em 2020

E nunca tivemos tanto acesso à informação, dados e pesquisas quanto hoje. Contudo, ainda assim, há quem acredite que feminismo é besteira — e que mulher que reclama de assédio é “mal comida”. Um estupro a cada 4 minutos não é bobagem. 530 mil denúncias de violência contra mulher no ano de 2019 não é pouco. 480 mil mulheres assassinadas entre 2001 e 2020 não é um número irrisório. Os dados levantados pelo Mapa da Violência de 2019 e pelo Balanço dos Atendimentos de 2020 da Central de Atendimento à Mulher revelam que a população brasileira precisa se conscientizar —…

Ler mais

PACIENTE 81020.4

Olá Dr. meu nome é Laura casada a 25 anos sou gordinha amo meu marido sou evangélica, mais um dia cai em tentação e trai meu marido, foi uma vez mais muito gostoso. Meu marido arrumo um emprego fora ganhando muito bem mais vinha só em 6 meses em casa, e não sabia o que fazer pôs sempre fui tarada por sexo, mais nunca tinha traído em nem tive vontade, meu marido sempre foi muito gostoso e faz eu goza localmente. Quando ele viaja a primeira vez já estava com 4 meses lá faltava dois para ele vim, eu já…

Ler mais

PACIENTE 81020.3

Meu nome é Gabriela tenho 19 anos e já sou casada a 4 meses fiz agora em janeiro, bom o que vou contar agora aconteceu realmente aqui em casa. Bom quando fizemos dois meses de casados o Marco chamou o amigo dele Fábio pra vir aqui em casa tomar umas cervejas com ele, bom eles passaram a tarde toda e uma boa parte da noite bebendo cervejas, como já era umas 10 horas da noite meu o Marco insistiu com o Fábio pra ficar e dormir aqui em casa pra assistir uns DVDS, e enquanto ele arruma um quarto que…

Ler mais

PACIENTE 81020.2

Hoje resolvi desabafar algo que eu sempre guardei só para mim, meu nome é  Moly, tenho 40 anos e sou muito enxuta, sempre pratiquei esportes, estou casada há 20 anos e nunca trai meu marido, apesar de sentir outras vontades, nunca fui tocada por outro homem. Sempre fui muito feliz com meu casamento, tivemos três filhos, hoje todos criados e não moram mais com a gente, meu marido sempre foi muito trabalhando e nunca teve tempo para a família, eu também depois de muito tempo sendo dona de casa resolvi fazer um curso de cabeleireira e trabalhar abrir um salão para…

Ler mais

PACIENTE 81020.1

Eu que imaginava que nunca teria coragem vim a descobrir o quanto é fácil trair. Tenho 23 anos, me casei aos 19 com o homem com quem namorei desde os 15. Meu primeiro e até então único macho que sempre fez de tudo comigo, nunca me deixou na vontade, me chupa e faz questão de comer meu cuzinho desde novinha. Eu nunca gostei muito de dar cuzinho, mas dava porque sabia que ele gostava, aliás sempre foi muito tarado na minha bunda que sempre chamou muito atenção dos homens. Eu tinha uma amiga, Jessica que era solteira e da minha…

Ler mais

LÉXICO

DIARIO DE BORDO - O LIVRO DÉCIMO PRIMEIRO CAPITULO Adorava aquelas que não poderia amar. Apaixonei-me sem querer, mas segui com elas porque decidi aproveitar a beleza dos momentos mágicos onde o prazer era enorme. Já não tinha receio que não poderia durar, ou que não podia haver juras de amor eterno. Não queria pensar em futuro. Vivia apenas ao som dos ponteiros do relógio, esperando por dias diferentes, com ela ou sua filha, não importa, desde que houvesse prazer. De que adiantava esperar por ações que sabia que nunca poderiam acontecer? Ou por situações que nunca imaginei chegar? A…

Ler mais

Me mande mentalmente coisas boas.

Estou tendo uns dias difíceis? mas nada, nada de grave. Dias escuros sem sorrisos, sem risadas de verdade. Dias tristes, vontade de fazer nada, só dormir. Dormir porque o mundo dos sonhos é melhor, porque meus desejos valem de algo, dormir porque não há tormentos enquanto sonho, e eu posso tornar tudo realidade. Quando acordo, vejo que meus sonhos não passam disso, sonhos; e é assim que cada dia começa: desejando que não tivesse começado, desejando viver no mundo dos sonhos, ou transformar meu mundo real num lugar que eu possa viver, não sobreviver.

Ler mais