PACIENTE 12220.3

APOSTA É APOSTA.

Aconteceu no dia do jogo Corea x Alemanha.
   Eu e meu namorado estava na casa dele , no quarto e seus pais na sala .
   Estávamos ali começando a assistir o jogo , quando um amigo dele chamou .
   Ele foi até o portão para atender , e eu fiquei bo quarto .
   Os dois entraram pois tinham combinado de trocar um escapamento da moto.
   Eu estava comportada blusinha vermelha , short moletom preto .
Eles decidiram ficar ali assistir o jogo primeiro e depois fazer a troca do
Maldito escapamento .
   De repente eles começam a debater sobre o jogo , tentando advinha quem ganharia.

   Meu namorado Caio disse:
– A Alemanha vai ganhar a coreia é muito ruim .

   E então seu amigo Carlos respondeu:
-Duvido , eu acho que a Coreia ganha

O Calos falou isso em tom de brincadeira.

   Mas meu namorado não gostou e insistiu dizendo:
– Cara eu aposto o que vc quiser .

E seu amigo Carlos respondeu :
– Tabem hahaha se a Alemanha ganhar eu ando de cueca na rua .

Meu namorado burro e confiante disse :
– Beleza se a Coreia ganhar a Kelly bate uma pra vc .

   Nossa fiquei com muita raiva , caramba me apostando assim na minha frente.

Eu disse :
– Como assim , eu bato punheta pro seu amigo ? Vc ta louco acha que eu sou puta ?

Neste momento o amigo dele sorriu sem graça , todo acanhado.

E meu namorado olhou para mim e disse relaxa amor a Alemanha nunca vai perder para a Coreia .

Então o jogo rolou e a maldita Coreia venceu .
Quando deu fim de jogo o amigo dele olhou para mim e muito tímido foi se despedindo para ir embora .
Meu namorado todo sem graça , foi desconversando e se despedindo.

Então o amigo dele disse:
– E a aposta eu queria hein .

Meu namorado de cabeça baixa respondeu :
– Poxa cara é serio ? Eu falei brincando .

Olha o amigo dele até ia deixar quieto , mas eu queria dar uma lição no meu namorado burro.

Me ajoelhei na frente do amigo dele que estava sentado na cama, olhei para o meu namorado com uma cara de puta e falei:
– Aposta é aposta Caio , e ninguém mandou apostar sua namoradinha , agora senta ai e fica olhando eu brincar com o pau do seu amigo.

Ele ficou calado sem acreditar me olhando com uma cara de raiva .
Eu ali de joelhos alisando a rola do amigo dele por cima da roupa
Coitado do amigo dele todo sem graça me olhando .
   Eu tirei o pau dele para fora e comecei a alisar , fiquei molhadinha confesso .
De joelhos ali alisando aquele cacetão grosso e meu namorado olhando.
Minha bucetinha toda encharcada pedi para meu namorado pegar um óleo de massagem , para que eu capricha se.
Ele contrariado foi buscar mas não tinha.
Então pedi pra ele pegar óleo de cozinha mesmo.
Dizendo assim:
– Caio pega óleo de comida mesmo ou então vou ter que chupar , pq seco não dá.
   O amigo não falava nada só olhava com o pau trincando na minha mão é claro.
Então ele foi até a cozinha , como eu queria punir ele cai de boca naquela rola gostosa , mamei bem gostoso enquanto ele foi buscar o óleo.
Eu com o pau do amigo dele na boca,
Nossa o Carlos tinha um pau muito gostoso era grosso e eu sentia aquela cabeça enorme pulsando ma minha boca.
A cena erá linda eu de joelhos , com a piroca grossa do Carlos em minha boquinha e ele segurando meu cabelo.
A diversão durou pouco , meu namorado chegou e tive que parar infelizmente .
Peguei o óleo que ele trouxe e lambuzei bem o pau do amigo dele.
Comecei a bater aquela punheta gostosa , deslisando uma mão no pau e a outra segurando o saco .
   A final eu queria humilhar meu namorado , e também eu estava curtindo o momento.
   Meu namorado olhava com cara de raiva , e o amigo dele gemia de tesão.
Peguei a mão do amigo dele coloquei eu meus pequenos seios .
Meu namorado não acreditava que eu estava ali toda lindinha , de joelhos segurando e brincando com o pau do próprio amigo.
Eu aumentei o ritmo do movimento , coloquei a linguá para fora simulando que ira chupar.
   O pobre namorado levou a mão a cabeça , eu não chupei , apenas olhei para ele e sorri.
   Então fazemdo movimentos firmes na quele pauzão eu direcionei o para que ficasse em direção a minha cara.
A veias do pau dele parecia que iria explodir .
E então saiu um jato violento de porra direto na minha cara ,eu continuei a masturbação nele e a porra também continuou a jorrar .
Minha boca , minha cara ficou completamente lambuzada .
Meu namorado ali olhando , eu olhei para ele e com a boca toda lambuzada de esperma sorri fiz aquela cara de safada.
Então com a mão cheia de porra , lambi os dedos bem safadamente olhando na cara do meu corno, depois dei aquela passei a língua nos lábios e disse:
   – Ai que delícia de rola , nossa muito gostosa leitinho quente docinho , se eu soubesse eu preferia ter feito um boquete .
    Meu namorado corno se levantou , em um tom manso despediu do amigo.
   Depois que o amigo foi embora ficamos ali conversando. .

8 Replies to “PACIENTE 12220.3”

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *