AS "SANTAS"

São mulheres vivendo os seus sonhos. Muitas acreditam em fadas, gnomos, príncipes, princesas e amores de outro mundo. Não. Elas não são loucas, nem doidas e nem pirada. Elas simplesmente desejam viver com prazer.

PACIENTE 71220.1

PACIENTE 71220.1

Sou casada há 8 anos, mas o meu casamento já perdeu o brilho inicial. Se antes estávamos sempre juntos e éramos felizes, hoje temos interesses diferentes e ficamos aborrecidos quando estamos muito tempo juntos.

De há uns dois anos para cá, eu comecei a reparar que o meu marido passava muito tempo fora de casa e cada vez tinha reuniões até mais tarde. Comecei a estar atenta ao seu comportamento e acabei por descobrir que ele estava interessado numa rapariga do emprego que tinha apenas 25 anos! Ele estava a tentar trocar-me por uma rapariga mais nova que eu!

Com esta atitude comecei a sentir-me pouco desejada, mesmo sabendo que não existem motivos para isso. Tenho 37 anos, mas nunca tive filhos e ainda tenho um corpo de meter inveja a muitas meninas de 20! Comecei a ficar sempre triste e sem vontade para nada até que um dia decidi que tinha que mudar! Tenho ciúmes sim, mas não preciso de deixar de viver a vida!

Nunca disse ao meu marido que tinha descoberto e em vez disso, tive um caso contigo, pois precisava de provar a mim mesma que os homens ainda me desejavam!

Dias depois eu estava num quarto de hotel a ter a melhor tarde da minha vida! Conheci você e marquei logo um encontro, o meu corpo ansiava por se vingar dos ciúmes. Tive um encontro espetacular, como muito sexo, e onde eu percebi que se o meu marido não me queria mais, era problema dele! Há muitos homens que dão tudo para me ter com eles na cama!

Desde então, eu admito que tenho ciúmes, mas continuo sem lhe dizer nada. A minha vingança é dar para você aquilo que ele não quis. Afinal, amor com amor se paga e nenhuma mulher merece ficar a vida inteira sofrendo com ciúmes!

Atualmente estou só procurando você, só temos sexo casual, para ter uma noite de prazer.

O atributo alt desta imagem está vazio. O nome do arquivo é IG.jpg
hunsaker

Sou o que sou. Sou incoerente por vezes, sou sonhador sempre, temo o desconhecido sem contudo deixar de arriscar, tenho planos e projetos, construí e ví cair em minha frente castelos. Como um anjo voei aos céus mas longínquos, e como um cometa caí. A queda me machucou, contudo me fez mais forte. Sou falho e impreciso. Simplesmente indefinível, enfim sou apenas um IGOR mas, o IGOR HUNSAKER.