PACIENTE 81020.1

Eu que imaginava que nunca teria coragem vim a descobrir o quanto é fácil trair. Tenho 23 anos, me casei aos 19 com o homem com quem namorei desde os 15.

Meu primeiro e até então único macho que sempre fez de tudo comigo, nunca me deixou na vontade, me chupa e faz questão de comer meu cuzinho desde novinha. Eu nunca gostei muito de dar cuzinho, mas dava porque sabia que ele gostava, aliás sempre foi muito tarado na minha bunda que sempre chamou muito atenção dos homens. Eu tinha uma amiga, Jessica que era solteira e da minha idade. Jessica é morena com mechas douradas no cabelo e um corpo espetacular, muito gostosa. Jessica saia sempre em baladas e barzinhos e sempre dava para alguém diferente e sempre me contava. Eu gostava muito de ouvir e ficava bastante excitada quando ela contava detalhes. Uma vez fomos juntas ao shopping, fizemos compras e comemos algo. Quando estamos saindo encontramos com três amigos dela, inclusive um com quem ela saia. Jean, Thiago e Jonas. Todos nos cumprimentaram e nos acompanharam até o carro dela. Então Jessica ofereceu uma carona para eles que aceitaram na hora. Eu estranhei, pois, achava que eles não precisavam de carona, mas não tive coragem de indagar. Ela deu as chaves para o que ela saia, o Jean e disse para ele dirigir. Então Jean se sentou no banco do motorista, Jessica no banco do passageiro Thiago se sentou atrás de um lado e Jonas abriu a outra porta de trás e ofereceu para eu entrar de forma que eu ficasse no meio. Eu não estava gostando daquilo pois Jessica sabia que eu era casada e eu estava de aliança no dedo. Estava muito desconfortável. No caminho eles foram brincando sobre irmos a outro lugar, todos concordavam e Jessica incentivava muito, apenas eu dizia que precisava ir para casa. Thiago e Jonas estavam bem à vontade e suas pernas rocavam as minhas durante todo o trajeto. Então Jean disse que se não iríamos a algum lugar, Jessica poderia agradá-lo de algum jeito pois tinha ficado excitado, nisso tirou o pau para fora e mostrou que estava bem duro. Eu nunca tinha visto outro pau em minha vida que não fosse o do meu marido. Jessica sorrindo esticou a mão e começou a penetrar o pau de Jean. Nisso Thiago e Jonas tiraram o pau para fora também e ficaram alisando. Eu não tinha mais para onde olhar então vi Jessica cair de boca no pau de Jean que dirigia. Nessa hora senti pela primeira vez minha xaninha piscar e ficar molhadinha. Eu estava com uma saia bem curta e as pernas deles esfregavam direto na pele. Senti que eles começaram a alisar minhas pernas com os dedos e eu não conseguia reagir vendo Jessica chupar o pau de Jean. Agora eles apertavam minhas coxas enquanto Thiago veio beijar meia pescoço e orelha, Jonas ergueu minha blusa e chuva meu seio direito. Quado a mão que apertava minha coxa foi indo em direção a minha bucetinha eu fui abrindo as pernas deixando que tocassem minha buceta por cima da calcinha. Eu já estava rebolando e gemendo baixinho quando Jonas tirou minha calcinha de lado e enfiou um dedo na minha xaninha. Soltei um gemido alto e ele fodia minha buceta com o dedo até que gozei no seu dedo. Enquanto Thiago me beijava a boca foi guiando minha cabeça até seu pescoço, peitoral e me fez descer até seu pau. Jonas já estava com três dedos na minha buceta e fodia com força, então Thiago forçou minha cabeça me fazendo engolir todo o seu pau que não era muito grande e nem grosso
Gozei nos dedos de Jonas que me colocou de 4 no banco de trás e enquanto eu mamava o Thiago, Jonas começou a me chupar a buceta e enfiar a língua no meu rabinho. De repente percebo que o carro parou e vi que estávamos dentro de um motel. Jessica e Jean foram para a hidromassagem e eles me levaram para a cama. Mesma posição, eu de 4 com a saia e blusa levantada, calcinha de lado chupava o Thiago e rebolava na cara do Jonas que parou de me chupar e ajeitou o pau na entrada da minha buceta que mesmo estando molhada tinha dificuldade para ser peneirada pois o pau de Jonas era muuuuuuito grosso. Mas lentamente sentia que estava entrando e eu já queria gozar de novo. Quando entrou metade ele começou bombar e a cada bambava entrava mais até esta todo dentro de mim. Comecei a gritar feito louca e Thiago segurava minha cabeça e enterrava o pau até minha garganta para abafar meu gemido. Eles trocaram de posição duas vezes até que Jonas deitou e me fez cavalgar naquela cobra enorme. Thiago ajeitou no meu cuzinho e enfiou. Entrou fácil pois seu pau não era grande. Olhei para Jonas e perguntei se depois seria ele. Ele quis inverter na hora. Thiago ficou em pé e me fez subir nele segurando minhas pernas e abrindo meu rabo para o Jonas ajeitar a cabeça na porta do meu cuzinho. Thiago segurando minhas pernas me fazia subir e descer com o pau na minha buceta e a cada descida meu cu engolia o pau do Jonas e pela primeira vez eu estava gostando de dar o cu logo numa DP em pé gozei muito assim. Até que Jessica aparece com Jean e me vendo naquela posição disse a eles: EU NÃO DISSE QUE SERIA FÁCIL??? OLHA QUE PUTA . Ela tinha planejado e combinado tudo com eles e eu caí. Eu estava adorando, mas senti um pouco de vergonha e humilhada. Fui muito FÁCIL mesmo. Nisso me jogaram na cama e me deram um banho de porra na cara. Mandaram abrir a boca e enfiaram o pau até ficar limpos. Quando eles saíram Jean abriu minhas pernas e enfiou no fundo da minha buceta. Começou a bombar e me chamar de vagabunda e putinha. Aquilo foi me dando prazer e comecei a gemer. Então ele aumentou a força e começou a bater na minha cara e disse que puta tinha que apanhar. Gozei apanhado na cara. Então ele me virou e enfiou no meu cu de uma vez. Me fodeu o cu com muita violência e me fez gozar de novo quando senti seu par inchar e encher meu rabo de porra. Quando ele tirou sentia porra escorrer toda para fora. Então Jessica veio até mim e disse: PARABÉNS AMIGA. EU NUNCA TIVE CORAGEM DE DAR PARA DOIS JUNTOS E VOCÊ DEU PARA TRÊS.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *